Livros que me ajudaram a entender melhor a relação dos meus clientes com o trabalho
17 de setembro de 2021
O que são habilidades transferíveis?
24 de setembro de 2021

As 4 etapas da transição de carreira

Desde a vontade de mudar até a consolidação da nova carreira, ao optar por uma transição, você passará pelas 4 fases abaixo:

1) Racional – Você tomou a decisão de mudar e procura uma nova carreira de acordo com os seus próprios critérios.

2) Emocional – Percebe que há necessidade de renunciar à sua identidade atual para poder assumir uma nova. Nessa fase há um sentimento de perda e ambiguidade: quer a carreira nova, porém sem abrir mão da identidade antiga. Um exemplo clássico: o gestor novato, que continua fazendo as atividades antigas de quando era analista.

3) Limbo – Momento sem identidade; renunciou à identidade antiga, mas ainda não tem uma nova. É aquela fase que você já se convenceu de que não dá para fazer as mesmas coisas que fazia antes, mas ainda se sente perdida no que deve fazer agora.

4) Consolidação – Assume a identidade da nova posição, compreende o que já desenvolveu, o que precisa desenvolver e define um plano de ação para atingir os resultados.

É por isso que no processo de transição de carreira, o orientador precisa estar preparado para fazer o manejo do luto com o seu cliente. Luto pela identidade profissional que está “morrendo”, para dar lugar para outra nascer.

Não é um processo simples, mas com o acompanhamento e suporte de um Orientador de Carreira é bem mais fácil. Clique aqui para saber como posso te guiar nesse processo.

Me acompanhe também em outras plataformas:
Instagram: https://www.instagram.com/fabiana.abath/
Blog: https://fabianaabath.com.br/